Guilherme Ferrarezi

Marketing

Saiba como fazer estratégia de marketing eficiente

Ao iniciar uma estratégia de marketing digital, muitas empresas têm problemas com a execução e apresentam resultados abaixo dos esperados. Diversos são os fatores que podem influenciar negativamente uma campanha digital, entretanto, conhecer melhor as estratégias e as oportunidades de otimização dos recursos permite tornar a estratégia mais eficiente.

Selecionamos sete pontos fundamentais no desenvolvimento de um plano de marketing que envolvem tanto o planejamento quanto a execução e que permitem a melhora dos resultados. Confira!

1. Objetivo da estratégia de marketing

O primeiro passo de qualquer estratégia (e que é subestimado por muitas equipes inexperientes) é a definição de um objetivo claro e alcançável. O ideal é que a própria empresa tenha objetivos definidos para o negócio e que o objetivo da estratégia de marketing vá em direção a alcançar as metas do negócio como um todo.

Também é importante que cada estratégia tenha um objetivo próprio. Algumas possibilidades são:

Cada objetivo acima exige um plano de ação distinto, portanto é necessário definir quais são as prioridades da empresa.

2. Definição da buyer persona

Após desenvolvido o objetivo da estratégia, é necessário definir a buyer persona que vai guiar a campanha. Buyer persona é um personagem fictício que representa o principal público a ser atingido. Para sua criação, devem ser consideradas características demográficas, objetivos, receios, expectativas etc.

Muitas pessoas confundem a definição de buyer persona com a de público-alvo. O público-alvo, no entanto, contém informações mais genéricas, enquanto a buyer persona busca nos detalhes criar uma aproximação com o público e definir características da campanha.

3. Adequação das estratégias ao target

Ao começar a estratégia digital, muitas empresas têm um target reduzido, mas querem fazer “um pouco de tudo”. Nem sempre essa alternativa é a mais eficiente, pois impede que a empresa desenvolva uma estratégia que apresentaria mais resultado junto ao público.

O ideal é que o target seja definido e, após considerar o objetivo da campanha e a persona, escolha-se a estratégia ou as estratégias que podem apresentar melhores resultados, considerando esses aspectos particulares.

4. Definição dos conteúdos e linguagem

Mesmo que a empresa opte por uma solução digital que não envolva necessariamente o marketing de conteúdo, haverá conteúdo! As mídias sociais, o e-mail marketing e outras ações exigem que exista um conteúdo a ser compartilhado com os usuários.

Dessa forma, é fundamental selecionar o tipo de conteúdo que será criado e qual a linguagem utilizada, pois é necessário que haja uma conformidade entre todos esses elementos. Se a cada postagem altera-se a linguagem, por exemplo, o usuário dificilmente criará uma identificação com aquele material.

5. Treinamento da equipe

Tanto para o planejamento da estratégia quanto para a execução, é necessário contar com uma equipe capacitada, tanto na área de marketing quanto na de vendas.

Muitas vezes indica-se que a empresa que deseja iniciar uma presença online, mas não tem pessoal interno, procure por uma agência de marketing, o que evita um gasto inicial elevado com contratação e treinamento.

6. Criação de um calendário de execução da estratégia

Após todas as etapas anteriores, é necessário definir quando a estratégia entra em execução e determinar algumas datas chaves. Por exemplo, intervalo de publicações, periodicidade do e-mail marketing, caso faça parte da estratégia, frequência de postagens nas mídias sociais etc.

Além do calendário de publicação, é importante definir algumas datas nas quais se avaliará o desempenho da campanha. Por exemplo, quantos leads foram gerados nos três primeiros meses da estratégia.

7. Escolher as métricas de monitoramento

Por fim, nenhuma estratégia de marketing digital nasce finalizada. A grande vantagem do digital é oferecer diversas métricas para constante avaliação do desempenho da campanha e identificação dos pontos que podem ser melhorados.

É importante que já no planejamento definam-se as principais métricas a serem acompanhadas, de acordo com o objetivo da campanha e o calendário de execução.

Esse conteúdo foi instrutivo? Deixe um comentário com a sua opinião e nos ajude a criar materiais cada vez mais interessantes para você e seu negócio!

0